Indústria 4.0

Anos após o surgimento de máquinas a vapor, equipes de trabalho e linhas de montagem, a tecnologia avança de forma exponencial nos processos industriais. Neste artigo iremos te ajudar a entender um pouquinho mais sobre esse processo de transformação, denominado, revolução industrial 4.0.

Na última década presenciamos um “boom” na utilização de smartphones, robôs, tablets e softwares ao nosso redor. Diante do aumento das informações em real time, surgiu a necessidade de automatizar processos, para atender as novas e rápidas demandas do mercado. A solução passa pela introdução dessas novas tecnologias em parques industriais, visando: Integração, digitalização e produtividade. Algumas tecnologias que caracterizam o padrão de indústria 4.0 são:

  • IoT: Internet das coisas (Itens físicos conectados à rede)
  • Big data
  • Computação/armazenamento em nuvem
  • IA: Inteligência artificial
  • Modularidade
  • Softwares

 A integração de diversos módulos, assinaturas digitais, checklists eletrônicos, são algumas características que permitem aumentar a segurança, a confiabilidade e o foco em atividades e processos, se adotado o padrão 4.0. Revoluções são rupturas em modelos tradicionais, para seguir crescendo cada vez mais preparado. Toda revolução requer investimento, implantação e treinamento, mas acima de tudo, compromisso com uma nova era. Outros impactos positivos desse ecossistema são:

  • Aumento da produtividade
  • Aumento da receita
  • Novos modelos de negócio
  • Aprimoramento de estratégias de produção e vendas
  • Melhor comunicação entre setores/equipes (Integração de módulos e dados)
  • Maior segurança com ativos da organização (Armazenamento em nuvem)

A indústria 4.0 não é o futuro, é o presente e nos próximos artigos, iremos abordar nossa relação com este novo e fascinante universo.

Gostou do artigo? Diz pra gente, o que você quer saber relacionado ao nosso mundo?